Vida no Circo. Dentro e fora do picadeiro

Há algum tempo venho acompanhando o programa Profissão Repórter, as terças-feiras na Rede Globo, que vem me chamando a atenção pelo tratamento de matérias do cotidiano das mais variadas profissões, sendo elas pelos “olhos da sociedade”, profissões dignas ou não.

O que é muito válido nas reportagens deste programa, são as matérias estritamente sem julgamento, os repórteres, tratam apenas da realidade, que das quais, milhões de brasileiros, como eu, se identificam.

palhaçosNo programa deste ultimo 01/11/11, não foi diferente, pois o assunto tratado foi a Vida no Circo, dentro e fora do picadeiro. Do mais conceituado e aclamado, ao mais simples espetáculo de circo e a vivência disputada dos artistas de rua, artistas estes, ao qual tenho imenso respeito e admiração, pois como mostrado na reportagem, aguentam os intemperes da natureza com graça e muita dedicação, para assim levantar um suado e merecido dinheiro que ajuda na remuneração e sustento de sua vida e/ou família.

circo pindorama

Minha admiração aumentou, quando me mudei para São Paulo no inicio de Agosto de 2011, e  ainda mais que tive a sorte de residir nas redondezas de onde foram feitas as gravações de rua da matéria e posso desfrutar muitas vezes desta arte, da janela do apartamento que divido com amigos que são minha família por aqui.

Por diversas vezes ficamos na janela observando os movimentosmalabarista de Rua Faz performace em cruzamento na Av. Rebouças Sp. precisos do pessoal lá em baixo, fazendo graça e levando o sorriso no rosto dos motoristas que passam  preocupados em suas rotinas mundanas, e que por alguns segundos que levam o fechar dos semáforos, tem a oportunidade de arremeter a calma e destrezas dos artista que ali se dispõem a mostrar sua arte por alguns trocados e sorrisos.

Confesso que como singelo malabarista de POI’s que sou, me vem uma vontade de juntar meu malabares e buscar um cantinho a este tão disputado espaço nos sinais de São Paulo, mas ainda não sinto-me preparado, fico apenas acompanhando os movimentos de cada artista que se apresenta lá em baixo e torcendo pela prosperidade em suas vidas.

Tenho o imenso prazer de conhecer um dos entrevistados, na reportagem, o malabarista Mae. Conheci-o a poucas semanas, para ser mais exato, no ultimo 15/10, na Mystic Tribe, na cidade de Sarapui-SP, em uma apresentação que fizemos sobre forte garoa e pisando em muita lama (risos), junto ao Grupo BIOLUMINI que vem acolhendo-me com muito carinho.

 destaque2

Para quem não pode acompanhar a matéria a qual tratei nesta edição, disponibilizo a seguir os vídeos completos para que desfrutem desta realidade que muitas vezes passa despercebida sobre a aba de nossos chapeis:

Esta matéria foi de muito fácil escrita, pois me vejo contagiado pelos ensinamentos do filme O PALHAÇO, com o espetacular ator Selton Mello, que vi no dia de ontem. Para quem ainda não teve a oportunidade de ver, fica a recomendação, o filme demonstra a realidade e dificuldades de uma trupe circense pelo interiores do Brasil, demonstradas de forma cômica e que rende boas risadas.

Sinopse:

Benjamim (Selton Mello) e Valdemar (Paulo José) formam a fabulosa dupla de palhaços Pangaré e Puro Sangue. Benjamim é um palhaço sem identidade, CPF e comprovante de residência. Ele vive pelas estradas na companhia da divertida trupe do Circo Esperança. Mas Benjamim acha que perdeu a graça e parte em uma aventura atrás de um sonho.

OPalhaco4

Sobre Grupo CurArte

"A vida é como uma Corda Bamba, onde para atravessa-la com segurança, basta olhar para um ponto de LUZ fixo e distante a sua frente, concentrar-se, acreditar que consegue chegar e começar a caminhada.... No caminho virão desequilíbrios, balanços e tropeços, quedas, pulos e saltos... mas se fores determinado, tiver fé e colaborativismo com seus semelhantes, chegarás com muitos méritos até o ponto estabelecido por você... E lembre-se sempre de voltar até o ponto inicial, para ajudar na jornada de quem vem logo atras na caminhada..."

Publicado em 5 de novembro de 2011, em Circo e marcado como , , , , , , . Adicione o link aos favoritos. 2 Comentários.

  1. Concordo q este é um ótimo programa e q aborda um ponto de vista totalmente diferente do utilizado no jornalismo da globo, uma pena que é tão tarde.

    Parabéns pelo texto, mais uma forma de destacar essa arte que para muito é visto como uma palhaçada e feita por pessoas que não querem nada com a vida. Sucesso no blog, que ótimas matérias ainda possam surgir por aqui.

Seu comentário foi enviado aos administradores. Será avaliado e se pertinente ao assunto, será liberado para a postagem requerida.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: